Como definir uma estratégia de atração e retenção de talentos

Como definir uma estratégia de atração e retenção de talentos

Uma das áreas mais importantes de uma empresa é, justamente, a gestão de talentos. O desafio é enxergar e encarar o desafio da atração e retenção de talentos. Manter essas pessoas na sua empresa são talvez o maior investimento que você pode fazer.

E isso não é uma tarefa fácil, cada empresa tem uma dinâmica própria e específica. E entender que isso é um passo importante para identificar onde está cada talento, dentro e fora de sua empresa.

Um esforço que reflete no cenário geral e faz com que sua empresa passe a ser enxergada por diversos profissionais como um lugar ideal para desenvolver as carreiras de quem está interessado em seguir com um planejamento dentro daquilo que alça como voos mais altos.

Portanto, é importante desenvolver jeitos de criar essa dinâmica e fazer com que esses talentos tenha o incentivo para manter esse interesse.

Trabalhando com atração e retenção de talentos

Um dos primeiros passos que sua empresa deve ter é criar um plano de cargos e um planejamento de salários. Não é só um bom salário entrando na conta do banco, mas a possibilidade de crescimento e identificar o quanto isso é possível dentro da visão do talento.

É preciso que o profissional enxergue que esse crescimento dentro da empresa seja concreto e possível. Isso fará com que seja possível enxergar o futuro, criar objetivos, metas e organizar seus próximos passos. Esse incentivo serve de inspiração e motivação para que ele sinta que seus esforços estão dando resultados.

A consistência desse plano de carreira deve incluir cargos e salários que sejam transparentes e sejam enxergados como uma transparência em que essas vantagens sejam visíveis e alcançáveis.

Um segundo ponto importante é criar um clima de trabalho que seja agradável e crie a vontade de trabalhar naquele ambiente. Talvez isso seja um dos pontos mais importantes, na verdade, afinal, esses talentos permanecerão uma parte de seus tempos naquele ambiente.

Quanto melhor o clima e mais agradável forem essas horas, mais chances dele encontrar a motivação dentro desse próprio ambiente. Quase sempre, a produtividade está ligada a esse ambiente e ao clima do dia a dia.

Um terceiro ponto importante para esse engajamento de talentos e facilidade de permanência desses profissionais é, justamente, a autonomia.

Um talento contratado ou identificado, está ali por ter algo a mais, seja uma habilidade específica, seja uma experiência ou um conhecimento diferenciado. Portanto, ofereça espaço para que esses profissionais usem suas habilidades e experiências. Não os trave em um sistema pré-existente. Entenda cada caso.

Não retire responsabilidades, mas lhes dê a oportunidade de irem além de suas possibilidades. Exercite a confiança e faça com que isso seja claro para esses talentos. Essa confiança se A transformará em valor e motivação.

A importância de investir em retenção de talento

Entender que o talento é importante não é simplesmente saber o quanto esses profissionais serão melhores para o desempenho de sua empresa, é importante saber o quanto isso ainda pode ser bom para seus lucros.

Reter um talento é importante, contratar certo é ainda mais lucrativo, mas ambos refletem custos ainda maiores do que seus esforços. Quanto mais você retém seus colaboradores e talentos, menos precisa lidar com rotatividade de equipe e economizará muito dinheiro em processos admissionais, mudanças e treinamentos de profissionais.

Investimento em retenção de talentos e bom treinamento faz com que esses profissionais se mantenham engajados e motivados para continuarem suas carreiras ligadas à sua empresa. O crescimento e desenvolvimento desses profissionais dentro de sua empresa aumentam a eficiência as vantagens desse tipo de planejamento.

A gestão desses talentos e o desafio de enxergar e aproximar esses talentos de sua empresa é um caminho que você deve entender como sendo o único e mais eficiente. Nunca esqueça que a maior riqueza de sua empresa são seus profissionais, portanto, aposte nisso.

0 Comments