O que é benchmarking? Pra que serve?

O que é benchmarking?

Não existe nada mais importante em uma estratégia do que a informação. Uma empresa simplesmente não sobrevive se não tiver dados, números e impressões que permitam enxergar além da venda ou do lucro. Olhar para fora é ainda tão importante quanto olhar para dentro, é nesse momento que entra em cena o benchmarking.

De modo resumido e simples, o benchmarking é o conhecimento que você tem do cenário em que está inserido. Não só em termos de mercado, mas principalmente a capacidade de enxergar seus concorrentes como gente que está produzindo, como você, por isso, uma espécie de espelho onde você deve se enxergar.

É fácil encarar o benchmarking como uma investigação, não para roubar ideias, mas compartilhar experiências e, quem sabe, entender aquilo que eles estão fazendo e você não. A inovação não surge da simples epifania, mas da capacidade de entender o que está sendo feito à sua volta.

Você só aprimora seu processo quando têm referências, e talvez elas possam vir não só das suas experiências, mas também das experiências de seus concorrentes.

Entendendo o que é benchmarking e sua função

Talvez o benchmarking ainda sirva para responder aquela pergunta mais comum que todo empresário e empreendedor tem: Como está seu trabalho quando comparado com o da concorrência?

E não importa se estamos falando de uma pequena empresa ou multinacional, querer entender como estão se saindo as outras empresas do setor é um detalhe importante e que move grande parte dos planejamentos.

Esse tipo de estratégia vem quase como um feedback onde o mercado te aponta como ele está indo e quais são suas demandas. As decisões tomadas quase sempre levam em conta como as empresas ao redor responderiam ao mesmo problema. Afinal, se elas são suas concorrentes, algo de bom e certo também estão fazendo.

O benchmarking permite entender e enxergar o mercado, não somente quem está próximo de você, mas todo mundo que está vendendo o mesmo tipo de produto. É enxergando o que está sendo praticado que você poderá arrumar aquilo que sua empresa ainda pode melhorar.

Essa melhoria contínua é resultado de um benchmarking atualizado e otimizado. Quanto mais nova e em dia está essa pesquisa, maiores as chances de permitir que as mudanças e adaptações prevejam as dificuldades, já que outros também terão a mesma impressão.

Por isso é tão importante aceitar a regularidade dessa atualização. Quanto mais regular, mais fácil de enxergar tendências e não esperar os competidores roubarem sua fatia do mercado. E não se preocupe, o conhecimento é uma ferramenta poderosa e comprovada, mas nem todo mundo sabe lidar com ela. Portanto, nem todo mundo faz um benchmarking tão eficiente, então, fique sempre na frente.

Aprendendo como fazer benchmarking

Em tempo de internet, é ainda mais importante entender como seu concorrente está lidando com o público. Isso, porque esse é o mesmo público que o seu, e se destacar nesse momento pode ser um diferencial.

Portanto, um benchmarking bem feito responde, principalmente, como a concorrência está lidando com o conteúdo em blogs, redes sociais e tudo mais que os coloque próximo dos clientes. E isso passa, principalmente, pelo tom que estão usando, tipo de informação e qual frequência acontece esse contato.

Compare tudo isso com o jeito que você já faz e tente entender os resultados obtidos por ambos jeitos, talvez você chegue a conclusões diferentes e que te permitam organizar a sua comunicação através disso.

E vá além, não se prenda ao conteúdo, entenda a experiência que o público tem com seus concorrentes. Tente enxergar a estrutura dessa comunicação, a experiência da navegação e o contato direto.

Mas não copie, avalie. Monte um relatório onde certo e errado, positivo e negativo, possa servir de inspiração para o seu modelo. Quando você cria um modelo de referência, consegue enxergar e colocar lado a lado o que você está fazendo com o que todos ao seu redor estão fazendo.

O erro de seu concorrente pode se tornar o seu acerto. O benchmarking bem feito te leva direto para alguns obstáculos que muitos já passaram, te ajudando a contornar e se preparar para eles, já que você já viu o que pode ser feito através das experiências de quem está com você nesse mercado.

Estratégia e informação são os únicos meios de crescer, mas nem só das suas experiências sua empresa precisa viver. É possível expandir essa visão e enxergar com os olhos de seus concorrentes, basta apostar no benchmarking.

Leave A Response

* Denotes Required Field